Veja uma estratégia eficaz para identificação e solução de problemas

resolver-problemas-estrategia-carreira

Problemas, problemas, problemas… todos nós temos aos montes de todos os tipos e tamanhos, para todos os gostos e desgostos!

“a problem well put is half solved.”
― John Dewey

Numa tradução livre da frase do filósofo americano John Dewey acima, “um problema bem definido já é metade da solução”.

E você sabe qual é um dos maiores motivos pelos quais patinamos tanto na resolução de nossos problemas? Está no fato de não termos entendimento claro do problema. Isso mesmo, muitas vezes mal sabemos qual problema temos que resolver.

E quando falta essa clareza parece incrível: andamos em círculos, atirando para todos os lados, menos na direção correta. Gastamos energia demais atacando sintomas e adivinha o que acontece? Com o tempo eles voltam com mais força!
Você quer começar a resolver seus problemas no trabalho, estudos ou mesmo na vida pessoal? Vou te dar algumas dicas abaixo:

Qual é o problema no qual você vai focar?

Defina um problema para atacar. Sim, infelizmente todos temos vários deles, mas na busca da melhor solução, temos que focar em um problema por vez. Mas qual problema focar? Aqui vai uma dica importante: Siga seus sentimentos, ou seja, procure resolver o problema que causa mais dor. Por que fazer dessa forma? Porque quando estamos sofrendo muito devido a um determinado problema, isto acaba afetando nossa capacidade de foco e resolução de outros problemas, virando uma bola de neve.

Claro, nem sempre é possível resolver primeiro o problema que causa mais dor, afinal este pode ser um problema que leva mais tempo para ser resolvido e talvez sua solução não dependa exclusivamente de você, mas siga essa lógica, atacando o segundo maior problema neste quesito. Quanto mais diminuir a dor, mais você terá forças para lutar na resolução de outros problemas.

Mas será que o que você encontrou é o problema ou o sintoma?

Muitas vezes, para resolver um problema, não precisamos fazer mais do que dar meia volta, retornar do caminho errado e escolher o mais acertado desta vez. Mas para isso temos que saber reconhecer quando pegamos o caminho errado e qual o correto a pegar quando voltarmos na encruzilhada. Por exemplo: você está com problemas para chegar no horário no trabalho, pensa como resolver isso e crava resposta: sair mais cedo de casa! Mas para sair mais cedo, terá que acordar mais cedo, mas antes terá que dormir mais cedo para não afetar o tempo necessário de descanso para recarregar as baterias para o dia seguinte. E por que você não está indo dormir cedo mesmo?

Pode estar nesse ponto a origem do seu problema de atraso. Pratique esse exercício sempre, faça o caminho de volta, mentalmente falando, para poder identificar com mais facilidade o problema que o fez chegar na situação atual. Você pegou o ponto…

Problema definido! Encontrando forças para focar na sua resolução

Quais os males que esse problema estão causando a você e a outras pessoas no momento? Quanto custa (em termos de saúde física/mental, finanças, tempo) para você não resolvê-lo agora mas deixá-lo para mais tarde, semana que vem, ano que vem…?

Quando você tem uma melhor noção da gravidade do problema, naturalmente ficará mais predisposto e motivado a encontrar uma solução.
Seguido estes passos, coloque energia máxima, foco na resolução do problema. Você vai perceber como isso vai impactar na sua carreira profissional e vida pessoal…

E você, como tem feito para superar seus problemas? compartilhe suas idéias ! 🙂

Artigos que também podem lhe interessar:

Related Posts with Thumbnails

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *