Como Fazer Seu Currículo: CheckList Grátis com 60 Ajustes Rápidos no CV

Em muitos casos, o currículo é a primeira impressão que o recrutador ou potencial empregador vai ter de você antes de ele poder te conhecer melhor através de um contato telefônico, de redes sociais como o LinkedIn e de outras buscas na internet.

E talvez será a última impressão, se você não tomar os cuidados necessários para que seu currículo cause a melhor impressão possível.

E para isto, você não tem muito tempo. Pesquisas falam em 30 segundos no máximo, o tempo em que o recrutador vai dar uma olhada rápida no seu currículo antes de decidir se vai colocá-lo na pilha de retenção para uma segunda análise ou se vai mandá-lo direto para o lixo.

E para causar o melhor impacto possível, é necessário que você passe um pente fino no seu currículo e faça os ajustes necessários com base na lista de verificação abaixo, baseada nas melhores práticas do mercado para se criar e customizar um currículo QUE VENDE.

Isto mesmo, seu currículo é uma proposta de venda do seu produto, que é VOCÊ. Nos dias de hoje, não basta ser somente competente e experiente, você estará concorrendo com muitos profissionais no mesmo patamar que você. Neste sentido, você deve procurar, de alguma forma, se destacar entre eles.

E o marketing pessoal, através de um currículo que cative o recrutador, que prenda sua atenção, é a melhor ferramenta para isso, acredite.

Muitos profissionais menos experientes e competentes ficam com a vaga de profissionais melhores simplesmente porque eles ENTENDEM os conceitos do marketing pessoal como uma poderosa ferramenta de persuasão, e os APLICAM.

Antes de enviar seu currículo, existem algumas coisas que você deve verificar para não vê-lo ser descartado pelo recrutador em uma questão de segundos. Além de ser descartado, o pior é que você nem mesmo terá um feedback para saber onde deve melhorar.

Os recrutadores não vão te falar diretamente o porque seu currículo não foi selecionado para um entrevista por diversas razões: entre elas, a falta de tempo e o fato de que eles não são pagos para fazer análise crítica do seu currículo.

Este é um trabalho que você deve fazer ou pagar alguém competente que o faça. Eu recomendo que você aprenda como fazer sozinho, pois terá que lidar com isto muitas vezes na sua vida profissional.

Para te ajudar neste sentido, listei 60 ajustes que você deve fazer ANTES de enviar seu currículo para a vaga, a fim de aumentar suas chances de ser chamado para uma entrevista.

Se você preferir receber este conteúdo abaixo num formato de checklist num arquivo em PDF para ir marcando os ajustes mais facilmente a medida em que  os implementa em seu currículo, basta cadastrar-se abaixo GRÁTIS para baixar o arquivo instantaneamente:

Veja a lista completa de ajustes logo abaixo, organizado por seções do currículo. Está na hora de criar uma impressão fantástica no recrutador para convencê-lo a pegar o telefone e te ligar. Vamos lá?

SEÇÃO DE CONTATOS

1 – Colocar o nome completo, de preferência sem abreviações

2 – Colocar um endereço de email pessoal principal

3 – O nome do endereço de email deve transmitir seriedade

4 – Coloque mais de um telefone de contato, sendo o mais importante na frente

5 – Revisar sua mensagem na caixa postal no celular – ela deve ser séria, clara e objetiva

6 – Revisar e avisar seus contatos para recado, caso informar outros números de telefone

7 – Não colocar idade

8 – Não colocar sexo

9 – Não colocar estado civil

10 – Não colocar endereço (a menos que tenha certeza que representa uma vantagem para você)

11 – Não colocar dados pessoais como RG e CPF

12 – Não colocar foto, a menos que seja justificado pela vaga

13 – Colocar o link para o perfil no LinkedIn

 

SUMÁRIO OU OBJETIVO PROFISSIONAL

14 – Focar em mostrar ao recrutador porque você é a pessoa ideal para a vaga – faça seu perfi casar com as necessidades da empresa

15 – Seus pontos mais fortes estão listados primeiro

16 – Utilizar números sempre que possível para quantificar seus resultados

17 – Utilizar verbos de ação

18 – Remover termos clichés (buzzwords)

19 – Explicar os jargões e termos técnicos se imperativo utilizá-los

20 – Utilizar bullet points (marcadores) para destacar as informações relevantes

21 – Incluir o reconhecimento de seus superiores por suas conquistas

22 – Evitar parágrafos densos: no máximo 3 linhas

 

EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL

23 – Colocar as experiências em ordem cronológica reversa – o mais recente primeiro

24 – Colocar todos os cargos em que atuou nas empresas apenas se for relevante para a vaga

25 – Colocar de forma breve o porque saiu da empresa se ficou muito por muito pouco tempo

26 – Explicar brevemente sobre o porque de períodos longos fora do mercado de trabalho, se houver

27 – Remover experiências irrelevantes para a vaga a que se está aplicando

28 – Listar um breve resumo sobre as empresas onde trabalhou – ramo de atividade e porte

29 – Incluir contatos de pessoas relacionadas a seu portifólio se aplicável

30 – Incluir link para seu portifólio na internet, se aplicável

31 – Mover a seção de Experiência Profissional para baixo da seção de Formação Acadêmica se não tiver experiência na área

 

FORMAÇÃO ACADÊMICA

32 – Colocar o título de todos os cursos de nível técnico, universitário e profissionalizantes, se relevantes para a vaga

33 – Colocar o nome da instituição de ensino de forma clara, não somente abreviações

34 – Colocar o mês da conclusão prevista do curso somente se não estiver formado

35- Listar as certificações relevantes com uma breve explicação dos seus significados

36 – Remover cursos muito antigos e que não agreguem valor

37 – Colocar cursos online que tenha feito e que sejam relevantes, ainda que não-oficiais

 

FORMATAÇÃO DO CURRÍCULO

38 – Verificar tamanho e tipo de fonte (recomendado: Arial, Times New Roman, Helvética, tamanho de 10 a 12)

39 – Verificar se as margens estão bem definidas, mantendo o conteúdo centralizado na página

40 – Verificar pontuação

41  – Utilizar papel com fundo branco e letras em preto – cuidado com cores que dificultam a leitura

42 – Verificar o tamanho da folha: A4 ou ofício(letter)

43 – Verificar espaçamento entre as palavras, linhas e parágrafos

44 – Não abusar de caixa alta e outros realces de formatação

45 – Insira numeração de página para o recrutador saber se tem mais de uma

 

IDIOMAS

 

46 – Incluir o nível de fluência de forma separada entre leitura/escrita e conversação

47 – Incluir se ainda está cursando – não é necessário indicar há quanto tempo está estudando

 

CONSIDERAÇÕES FINAIS ANTES DA IMPRESSÃO/ENVIO

48 – Não incluir salário – se requerido, colocar uma faixa de valores

49 – Não incluir referências no currículo – será requerido somente após contato com entrevistador

50 – Não colocar disponibilidade para começar no novo emprego, a menos que seja imediata

 

REVISÃO DO CURRÍCULO

51 – Imprimir seu curriculo para revisão

52 – Verificar se seus dados pessoais estão digitados corretamente

53 – Revisar números e datas por todo o documento

54 – Checar se todas as informações são verdadeiras – cuidado com ambiguidades

55 – Checar se a formatação é consistente por todo o documento

56 – Passar o corretor ortográfico no seu currículo

57 – Pedir para alguém de confiança ler seu currículo para verificar clareza e gramática

 

SALVANDO O CURRÍCULO

58 – Salvar o documento como tipo Word e PDF e anexar o currículo nos dois formatos

59 – Salvar o documento com um nome fácil de identificar para o recrutador, como seu nome mais o título da vaga

60 – Abra o documento depois de salvo para ter certeza que não está corrompido antes de enviar

 

E então, pronto para impressionar o recrutador com um currículo moderno, limpo, organizado e que vende VOCÊ como o profissional qualificado que você é?

Então cadastre-se abaixo para receber seu checklist de análise de currículo em PDF e aprender mais sobre como customizar um currículo que impressiona, vende e convence:

Artigos que também podem lhe interessar:

Related Posts with Thumbnails