Reflexões para os profissionais de TI irem além da TI em 2013

Final de ano está aí, e pra não variar nem um pouquinho, rápido como sempre. Hora bem apropriada para começar um balanço geral de nossas realizações deste ano, separar o que deu certo do que não deu dentro do que foi planejado ( entender bem o porque de não ter dado certo aquilo que foi planejado), e também, claro, de entender as mudanças de rota que possamos ter feito ao longo do ano.

Mudar é uma coisa boa, sem dúvida, mas mudança demais destrói o bolso e dilui o cérebro (ou não deixa o cara doido?). Imagine pagar um curso de formação para DBA Oracle, por exemplo, em suadas prestações, e no meio do caminho perceber que não quer mais saber de banco de dados, que não se identificou com o assunto…

E tome mudança, recomeço, mais dinheiro saindo e o tempo, bem, esse não costuma esperar ninguém, está sempre com pressa.

Bem, apesar desta introdução com maior enfoque na parte técnica da formação do profissional de TI como planejamento em 2013, gostaria mais de deixar, na verdade, algumas frases interessantíssimas que foram publicadas do site IDGNow! mirando o perfil de CIOs.

Ok, você não ocupa tamanho cargo (ainda, talvez, ou ainda não seja seu objetivo), mas temos que sair um pouco de nossa caixa de bits e pensar mais fora dela para entender de negócio, de nosso público alvo, de pessoas…

Veja as frases abaixo com os comentários e tente identificar algo aplicável em sua carreira profissional hoje, no seu emprego atual (e mesmo se não estiver empregado no momento por qualquer motivo). Você vai perceber que tem muitas coisas a mais para se preocupar que somente em atualizar skills técnicos:

10. “O meio é a mensagem”. Frase do filósofo Marshall McLuhan ainda ressoa em nosso mundo repleto de telas incluindo TV, desktop, tablet e smartphone. Como você pode otimizar o meio do usuário para melhorar a mensagem de negócios?

9. “Todo o software vai olhar o mundo assim como o Facebook.” A observação é do CEO da Salesforce.com, Mark Benioff. Ele prediz um mundo em que o software é autoexplicativo. Como isso muda o papel do CIO?

8. “Acumular dados sobre você não é apenas um hobby estranho das corporações. É seu modelo de negócios. Você é seu produto.” A frase é do senador norte-americano Al Franken, que fala sobre o potencial que Big Data tem de gerar grandes oportunidades para a indústria. Quais são as implicações para os negócios?

7. “Simplicidade é a sofisticação final.” O ditado de Leonardo da Vinci nos lembra que a era da complexidade de TI deve acabar. Quais sistemas legados você vai aposentar neste ano?

6. “O todo é maior do que a soma das suas partes.” Aristóteles não estava pensando em nuvem ou dispositivos móveis, mas seu aforismo ainda se aplica à tecnologia. Como você vai integrar essas ferramentas para criar oportunidades de negócios?

5. “É a tecnologia casada com as artes liberais, casada com as humanidades que faz nosso coração cantar.” Steve Jobs lembrou a importância do quesito design. Onde o CIO pode aplicar um bom design para fazer um bom trabalho?

4. “A resistência à mudança é muitas vezes apenas uma falta de clareza.” O autor de livro de negócios Dan Heath acertou. Como você pode esclarecer a missão de suas tropas de TI?

3. “Nunca erre para realizar algo.” O técnico de basquete John Wooden tocou em um importante ponto: você está trabalhando duro sem agregar valor ao negócio?

2. “Os analfabetos do século 21 não serão aqueles que não sabem ler e escrever, mas aqueles que não podem aprender, desaprender e reaprender.” O futurista Alvin Toffler viu o valor da aprendizagem ao longo da vida. O que você vai reaprender este ano?

1. “É melhor você começar a nadar ou vai afundar como uma pedra, pois os tempos estão mudando.” Bob Dylan provavelmente não sabe muito sobre CIOs, mas nós sim. Existe algum executivo C-level adeptos a mudanças? Lembre-se: mantenha sempre um bom trabalho!

Isso aí, para você andar por cima em 2013, precisa muito mais do que raciocínio lógico, idiomas, certificação em TI e boa formação acadêmica, entre outros.

Comece a separar um tempinho para ler um livro diferente, curtir coisas diferentes (não, não digo a forma de curtir do Facebook, que aliás é bom dar férias pra ele de vez em quando)… São experiências diferentes que abrem nossas mentes de forma que possamos entender melhor nossas possibilidades de crescimento (que aliás, costumam ser maiores do que pensamos).

Boa reflexão…e bom planejamento para 2013!!

Os 10 ítens acima são de publicação do site IDGNow!

Artigos que também podem lhe interessar:

Related Posts with Thumbnails

Uma resposta

  1. Charles

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *