Notícias de TI: Destaques da Semana – edição 237

novidades-carreira-tecnologia

Algumas das melhores notícias de TI da semana cuidadosamente selecionadas…Que tal dar uma conferida?

“O sucesso precisa depender do seu talento, não do seu gênero”

A argentina Analía Basualdo, 32 anos, não tem medo de mudar de carreira. Formada em design gráfico, ela chegou a abrir uma empresa em sua cidade natal, San Rafael, antes de decidir que estava um pouco cansada de trabalhar com papel. Começou a fazer cursos na área digital e hoje trabalha em experiência e interface de usuário (UX/UI) na Eventioz by Eventbrite, plataforma online para criar eventos. Adquirida pela americana Eventbrite, a Eventioz manteve seu time na Argentina mas trabalha agora em sincronia com o Vale do Silício…

8 ferramentas online que ajudam a se concentrar no trabalho

Conversas paralelas, telefones tocando sem parar, alertas incessantes no Facebook e dezenas de novos tweets subindo de hora em hora na timeline.

É praticamente impossível manter a concentração no trabalho com tudo isso rolando.
Mas o segredo do seu foco está mais próximo do seu alcance do que você possa imagina. Existem diversas ferramentas online que foram criadas exatamente para isso.

Selecionamos oito opções que podem fazer a diferença no seu dia a dia…

Sua empresa sabe gerenciar a Geração Y? Veja sete dicas

Pete Cashmore é fundador de um dos mais relevantes portais para tecnofreaks, por assim dizer: o Mashable. Olivier Fleurot, Baby Boomer, foi CEO do tradicionalíssimo Financial Times.

Ambos, no entanto, tem uma coisa em comum: convivem cada vez mais com um corpo de profissionais da Geração Y – questionadores por natureza, ambiciosos, impacientes por promoções e aumentos, odiadores de hierarquia, multitarefas, cheios de iniciativas, menos especializados, facilmente entediados…

Recolocação profissional: 4 mandamentos para o networking online

O networking é apontado pelos profissionais de RH como uma das melhores formas de buscar recolocação profissional. Mas executivos explorando opções de trabalho fora de sua empresa atual muitas vezes esbarram na necessidade de dicas de etiqueta, especialmente ao usarem ferramentas online como as redes sociais.

A instantaneidade e a transparência das tecnologias de hoje pode facilmente criar situações desconfortáveis. Uma regra de ouro é: antes de clicar em enviar, pare e reveja o que você está fazendo. Isso pode ajudar a proteger a sua reputação…

20% dos funcionários culpam smartphones por não se desligarem do trabalho

Uma pesquisa realizada pela empresa Trabalhando.com mostra que 47% dos profissionais usam seus smartphones para atividades relacionadas ao trabalho.

Divulgado na terça-feira (11), o levantamento foi realizado com 400 profissionais de diversas áreas . Entre os entrevistados, 15% têm entre 16 e 24 anos, 22% têm entre 24 e 30 anos, 28% têm entre 30 e 40 anos e 35% tem mais de 40 anos.

Dos respondentes, 30% não acreditam que os dispositivos afetem a vida do funcionário, 27% acham que os celulares diminui a concentração para cumprir tarefas…

App ajuda a recuperar 200 veículos roubados, diz Ministério da Justiça

Quem vê placa não vê coração. Um aplicativo que transforma smartphones e tablets em instrumentos para recuperar carros e motos roubadas roubados já ajudou a recuperar cerca de 200 veículos, de acordo com o Ministério da Justiça. Para ampliar o acesso de cidadão a dados da segurança pública, o próximo passo será lançar um aplicativo que checará se cidadãos possuem mandados de prisão emitidos em seu nome.
Desenvolvido pelo Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) a pedido da pasta do governo federal, o aplicativo “Sinesp Cidadão” permite conferir o estado legal de um veículo a partir da placa…

Pesquisa: Brasil está no 44º lugar em conectividade no mundo

Segundo um estudo da Qualcomm, o Brasil tem um nível intermediário de conectividade. De 73 países pesquisados, o País fica em 44º lugar quando se fala de penetração de serviços de telefonia fixa e móvel, internet fixa e móvel, TV paga e conexões máquina-a-máquina (M2M).

Comparando os dados de todos os países analisados, desde o que tem o maior índice de serviços ao que tem o menor, a pesquisa contabilizou que o Brasil tem 34,10 pontos em um total de 100 possíveis. Para se ter uma ideia, Hong Kong é o país mais conectado do mundo, com 79,24 pontos. Apesar de estar longe do país ultraconectado, o Brasil ficou na 4ª posição entre vinte países da América Latina e Caribe, e na 2ª posição entre os BRICs (Rússia, Índia, China e África do Sul)…

Complexidade nas bases de dados e cenário econômico são os desafios da TI na saúde

A área de saúde passa por um momento delicado. Em um negócio cujo principal ativo são as vidas dos pacientes, a tecnologia é aliada para realizar diagnósticos mais precisos. Por isso, não é de se espantar que as bases de dados desempenham papel fundamental nas mais diversas organizações do setor – desde operadoras até laboratórios e hospitais.

O primeiro obstáculo é o cenário econômico, que de certa forma impacta investimentos. “O mercado de saúde está sofrendo em todo o mundo com os problemas financeiros dos governos, mas mesmo assim vemos crescimento”, reconhece o vice-presidente de planejamento estratégico da Intersystems, Paul Grabscheid. O resultado se traduz em números – foram US$ 463 milhões de receita no ano passado, com expectativa de superar a marca dos US$ 500 milhões neste ano…

Escola que ensina programação para crianças inicia atividades em SP

Começam em abril as aulas na escola SuperGeeks, que se considera a primeira escola de programação e robótica do Brasil voltada para crianças. A turma inaugural terá aulas na sede da Vila Mariana, em São Paulo, mas há planos para atingir outras cidades.

O curso promete mostrar o caminho para que crianças a partir dos sete anos se tornem criadores de tecnologia e não apenas consumidores. A escola deve ensinar o desenvolvimento de programas, jogos eletrônicos e pequenos robôs. Complementarmente, os pequenos também aprenderão inglês…

A empresa pode mudar o jeito de pagar hora extra?

Em um banco de horas, o excesso de horas trabalhadas em um dia deve ser compensado pela correspondente diminuição em outro dia, conforme determina o parágrafo 2º do artigo 59 da CLT.

Por exemplo: o funcionário com jornada de trabalho de oito horas diárias, que trabalhou dez horas em um dia, terá o direito de trabalhar seis horas em outro dia.

É importante lembrar que a duração do trabalho normal não pode ser maior que oito horas diárias e só podem ser feitas duas horas extras por dia, no máximo…

Artigos que também podem lhe interessar:

Related Posts with Thumbnails

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Está na Hora de ser Valorizado e Conquistar o Salário que Você Merece!

Cadastre seu E-mail e Pegue seu Livro Grátis! Promoção por Tempo Limitado...

Fechar esta janela

  • Saiba qual o segredo dos que ganham mais