Menos pessoas se interessam pela área de TI

demanda_profissionais_ti

Você sabe quantos profissionais de TI existem no Brasil atualmente? O último levantamento do número de profissionais no Brasil feito pela Brasscom mostra um total de 1,7 milhão.

O grande problema apontado pela instituição na formação dos profissionais de TI é a pouca oferta desses profissionais com inglês fluente (10,2 milhões de brasileiros possuem inglês fluente, segundo o estudo, o que significa 5,2% da população total), algo que já citado por outras pesquisas.

O que é curioso é saber que, segundo o Convergência Digital

Na Colômbia, por exemplo, esse índice é de 15,7%, no Chile, chega a 34,7% e na Argentina, 9,8%. Com relação aos ‘adversários’ diretos no mercado de trabalho, o Brasil ainda tem um desempenho, que, sim, precisa ser aperfeiçoado, mas com métricas muito superiores. No caso da Índia – o nosso maior rival – por exemplo, 8,2% da população tem inglês fluente. Na China, esse percentual cai para 0,8% e na Rússia, fica em 4,8%.

Estar atrás de países com maiores deficiências estruturais  que o nosso (com exceção do Chile), mostra a falta de prioridade (nessa comparação  o problema não é dinheiro) da nossa política com relação a essa habilidade, tão essencial no mundo globalizado.

Outra constatação (e essa bem mais séria) é a de que que nos últimos tempos foi registrado queda de procura por cursos na área de Tecnologia da Informação.

É fácil identificar pelo menos um dos motivos: Quando conversamos com alguém a repeito de ingressar na TI, não são raras as vezes que sentimos a repulsa demonstrada em expressões do tipo “Credo, você deve ficar louco com tanta matemática!”.

Não seria esse trauma, fruto das defasadas metodologias de ensino que predominam em especial na educação pública, fazendo os alunos odiarem os números? Parece bem provável…E outra coisa, quem disse que aula de lógica só serve para estudantes de computação?

A matemática é essencial para a vida, o cotidianos dos estudantes formais e informais, os alunos “da vida”. Não há como fugir dela. Somos perseguidos pelos números nas mínimas coisas que nos rodeiam, e se não aprendermos a dominá-los, seremos dominados por outros através deles…essa é a lógica triste e inevitável.

Isso para não citar ainda deficiência do ensino do inglês…Aproveitando o gancho, você pode aprender inglês de graça aqui. 😉

E para piorar a situação, há muita gente na área que faz questão de desmotivar ainda mais outras pessoas que queiram entrar, por se sentirem de certa forma ameaçadas  pelas novas e avançadas gerações…Quem não conhece alguém assim?

Da nossa parte cabe desmistificar esse conceito em torno da das profissões da TI, para nossos sobrinhos, filhos, vizinhos e quem mais se interesse, porque o Brasil precisa melhorar a massa de conhecimento tecnológico.

Na sua opinião, qual o maior ou um dos maiores motivos para a falta de atratividade dos jovens e crianças para a área de TI, a despeito de todo fascínio tecnológico que invadiu há bastante tempo nosso dia-a-dia?

Artigos que também podem lhe interessar:

Related Posts with Thumbnails

10 Comentários

  1. Leandro Cesar
  2. Keyllah
  3. Carlos
  4. Vinicius
  5. Vinicius
  6. Anderson
  7. BigDick
  8. Jonas
  9. anonimo

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *