Evite vuvuzelada do chefe:olho na Copa mas com foco no trabalho

corneta_chefe_foco_trabalho

Loucura total nesses dias de Copa do Mundo, especialmente no dia de entrada em campo dos jogadores da nossa seleção. Desde cedo nas empresas começa aquela correria e a preocupação de não deixar pendência alguma que comprometa a saída no horário para poder assistir o jogo na sua íntegra. E claro, nessa adrenalina toda, pensamento dividido entre Copa do mundo e trabalho, não é fácil manter o foco, segurar a emoção. Porém é justamente nesse momento que o risco aumenta.

É aí que tem que entrar em campo o controle emocional e equilíbrio para manter-nos focados no trabalho durante o expediente pré e pós-jogo do Brasil. Até porque ir para o jogo da seleção com a orelha tinindo com uma cornetada do chefe no ritmo das irritantes vuvuzelas por termos pisado na bola, ninguém merece, não é? quebra o clima do jogo, além de dar aquela queimada de leve no filme.

E cá entre nós, esses jogadores com seus salários monstruosos garantidos, se perderem a Copa não estão lá muito preocupados, ou estão? A exemplo do Messi, que simplesmente deu um helicóptero no valor de 3 milhões de dólares para Maradona. Segundo o Globo on-line, gastando o salário do mês para comprar essa máquina ainda lhe sobrariam cerca de 600 mil reais!

E voltando aqui para nossa realidade, temos que cuidar bem de nosso emprego, porque mesmo nossos salários não sendo nem de muito longe tão pomposos assim, não está caindo dinheiro do céu por aí…

Algumas dicas de administração do tempo dadas pelo especialista Christian Barbosa através do site da INFO são muito úteis, tanto para mim como para você para que representemos bem nesses dias festivos de Copa durante o trabalho, confira abaixo:

1. Dê o gás nas primeiras horas

Em dias de jogos do Brasil, a primeira dica é utilizar o tempo com racionalidade. Por isso, para garantir que as atividades mais importantes não serão pisoteadas, tente executá-las nas primeiras horas do dia. “Os brasileiros são mais produtivos pela manhã”, afirma o especialista. Apesar da euforia com a eminência da partida, você estará com a cabeça mais fresca para conseguir executar a tarefa. E, na hora do jogo,  terá menos peso na consciência porque não conseguiu terminar um relatório urgente em tempo.

2. Planeje sem hipérboles

Na hora de organizar as atividades do expediente, tente ser realista. De nada adianta lotar a agenda em um dia em que sua cabeça estará há um oceano de distância, nos campos da África do Sul. “O ideal é planejar o dia como se fosse trabalhar apenas ¼ do seu expediente normal”, aconselha Barbosa.
Nos outros dias da semana (quando seu coração estiver liberado do futebol), aproveite para recuperar o tempo dispensado para a paixão nacional. “Pense na semana como um todo. Não utilize somente um dia para agendar todas as suas tarefas mais importantes”, diz Barbosa.
Pensando nisso, deixe para os dias de jogos da seleção apenas as tarefas que você pode fazer sozinho. “Evite atividades que possam dar muito problema ou que exijam a dependência de muitas pessoas”, diz o especialista.
Afinal, não adianta se iludir. As pessoas não estarão no mesmo ritmo dos dias comuns. E, acredite, vai ser muito chato ficar conhecido como a pessoa que não parava de cobrar favores ou resultados em dia de jogo do Brasil.

3. Marque uma reunião

Por outro lado, de acordo com Christian, dias de partidas da seleção são boas datas para marcar uma reunião. OK. A princípio a ideia não irá agradar muito seus colegas de trabalho.  Você ouvirá reclamações e pedidos para transferir a reunião para outro dia. Mas permaneça firme nessa posição. O especialista garante que, com a cabeça no horário do jogo, todos tentarão ser mais objetivos nos argumentos e decisões. Está aí um bom jeito de usar a Copa a favor da sua empresa.

4. Retorne na primeira marcha

Passados os 90 minutos de jogo, será difícil retomar a atenção total no trabalho. Convenhamos. Neste ponto, a dica é ser realista. Retome o trabalho com tarefas curtas e rápidas, que não tomem mais do que 15 minutos do seu tempo. Responda a um e-mail. Faça uma ligação. “Essas atividades menores embalam as pessoas e fazem com que elas consigam entrar no ritmo”,  afirma.

Esses momentos de diversão são interessantes para revelar alguns comportamentos que não poderiam ser conhecidos de outra forma. Seu chefe está de olho, pode apostar.

Dicas extraídas do site da INFO.

Artigos que também podem lhe interessar:

Related Posts with Thumbnails

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *