O profissional 2.0 ou mero webespectador?

A Web 2.0 define o conceito de interatividade, troca de de informações e idéias na internet. Não que essa idéia não era pensada antes, mas a estrutura física tecnológica ainda não tinha condições de suportar tamanha transformação, com suas conexões discadas sofríveis. Mas os tempos mudaram bastante e agora somos inundados com tudo o que se refere a colaboração. Ferramentas vêm e vão numa velocidade cada vez maior, evoluindo com idéias convergentes de outros sistemas e se reinventando.

web_colaborativa

Mas há um grande porém nisso tudo. O fato de termos excelentes ferramentas à disposição não faz de nós um profissional 2.0, tal qual a web do presente.

Quem aí já utilizou um SO na nuvem? O GoogleDocs , LiveWriter da Microsoft? Ou ainda “twitou”? É incrível o número de pessoas com que conversei que nunca interagiram com tais tecnologias. E estamos falando de profissionais da área de TI.

Telespectadores ou melhor, webespectadores!

Infelizmente é assim que muitos de nós podem ser definidos. Sonhamos em trazer a web para nossa TV mas esquecemos de que precisamos tratá-la mais como web do que como uma TV.

Você já postou em algum fórum para responder a pergunta de alguém que você não conhece? Tem suas tribos e se relaciona com elas, distribuídas pelas milhares de redes sociais na web? Gosta de expor suas idéias e opiniões e ler o que outros pensam a respeito delas? Se você respondeu que sim a todas essas perguntas, você está bastante integrado com o perfil do profissional 2.0.

Ser um profissional 2.0 é estar à frente da multidão de telespectadores e webespectadores tradicionais. É ter uma rede ativa e em constante crescimento, é colaborar, incentivar, ensinar e aprender com pessoas dos lugares mais remotos, com que provavelmente nunca irá encontrar em sua vida, e ser marcado por isso.

O Celso Poderoso,  comentou em seu artigo no ConvergênciaDigital sobre o projeto da IBM entitulado “Blue Spruce”, um programa que tem intenção de potencializar ao máximo o conceito da web 2.0 ao permitir que diversas pessoas compartilhem serviços como se estivessem utilizando um mesmo browser.

Tudo isso é fantástico mas do que adianta se ainda tratamos a web 2.0 como a antiga e estática web de alguns anos atrás? Isso é literalmente assistir a banda passar, perder o melhor do momento que compartilhar e crescer.

Faça um upgrade em si mesmo para a versão 2.0 da web

Colabore, viva a web 2.0. Toda sua contribuição é uma extensão do seu currículo, nada do que fizer se perderá, ainda que não lhe agradeçam e não retribuam à altura quando precisar de informação. Conheça e deixe-se conhecer na rede. E claro, expanda relações para além da web. Não espere precisar de sua rede para começar a construí-la, pois leva tempo. Muitos ficam desempregados e depois tentam reativar seus contatos, mas muitas vezes é tarde. Sabe aquele cara que há muito tempo não parece? E quando resolve aparecer você já imagina que ele precisa de algo, não é? Nesse caso a disposição de ajudar geralmente não é a mesma…

E você, se considera um profissional 2.0?

Artigos que também podem lhe interessar:

Related Posts with Thumbnails

4 Comentários

  1. nei
  2. Vinicius

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *