Apontar erros é fácil mas feedback eficiente é muito mais que isso

Feedback eficiente entre chefes e subordinados ainda é um diferencial em equipes na maioria das empresas. Muitos dos líderes que se apresentam hoje nas áreas de Tecnologia, por exemplo, têm um currículo invejável quanto a coleção de títulos e experiências profissionais, mas quando o assunto é interagir com o ser humano, principalmente quando esse está abaixo dele, os problemas começam a aparecer. Incrível que o tempo passa e volta e meia nos pegamos tratando do mesmo assunto… parece que a evolução do respeito humano segue na direção contrária da velocidade do avanço tecnológico…

Resultados insustentáveis ainda são bastante valorizados pelas empresas, infelizmente. Obtém-se resultados à custa de muito sangue derramado, gritaria, esfolamento, desrespeito… E como os números são positivos, esses supostos líderes acabam sendo bem avaliados e seguem seu trabalho. Rotatividade de pessoal alta?? que nada, os números financeiros são tão bons!!!

Por isso não cansamos de bater nessa tecla vez por outra. Acreditamos que assim podemos ajudar alguns gestores bem-intecionados a reverem suas atitudes e contribuirem para um ambiente masi saudável, produtivo na organização. Até porque eles também são humanos, erram e precisam de ajuda. Num artigo do UOL relacionamos os pontos principais que, se bem observados, fará com que o gestor seja visto com outros olhos pela sua equipe e pares:

  •  
    •  É preciso deixar claro quais as competências técnicas e teóricas que esse colaborador deve ter para executar o seu trabalho
    •  Avalie o trabalho dos seus colaboradores de forma mais eficiente, isto é, ANTES de qualquer erro que o subordinado possa vir a cometer;
    • O gestor deve adotar o respeito como base na relação com seus subordinados;
    • O feedback tem de estar sempre embasado em fatos. Não é só falar, é identificar o erro e suas consequências, para que o profissional reflita sobre o que fez;
    • tom de voz do líder pode gerar interpretações errôneas por parte do subordinado. As palavras também devem ser escolhidas com cuidado;
    • A maneira mais eficiente de transmitir a avaliação negativa é individualmente;
    •  Uma maneira inteligente de apontar as falhas dos profissionais é perguntando o que os levou a executar a tarefa daquela forma e não de outra;
    • Elogios também são bem-vindos, os acertos devem ser elogiados em público.

São atitudes que são mais simples de tomar do que conquistar grandes títulos acadêmicos. Basta boa vontade. Até porque se o líder achar o contrário, isto é, considerar mais fácil lidar com títulos, máquinas e fórmulas complexas, deve considerar uma nova posição na empresa, pois deve estar no lugar errado…

Bem, se você quiser, pode ler na íntegra o atigo do UOL, Líder: é possível apontar os erros dos colaboradores de forma eficiente. E claro, deixe aqui no blog sua opinião sobre o assunto, sempre bastante valiosa. Aproveito ainda para deixar uma pergunta: na posição de subordinado, o que você poderia fazer para ajudar seu líder a crescer nesse sentido?

Artigos que também podem lhe interessar:

Related Posts with Thumbnails

Discussão

  1. Leonardo
  2. Vinicius