7 dicas para montar sua estratégia em busca de um aumento salarial

O mercado de TI, apesar da crise econômica internacional, segue precisando de profissionais e claramente não contrata mais por falta destes.
Natural seguir a lógica de que os salários apontam na direção ascendente, seguindo a demanda, ainda que não na mesma proporção. Pesquisa da Catho revela aumento de 60% acima da inflação somente no último ano.
A pesquisa ainda revelou o seguinte:

…em outubro de 2011, os novatos receberam 1.977 reais nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Rio Grande do Sul e também no Distrito Federal – identificados como polos de tecnologia. O valor é 31,89% superior à média salarial brasileira, de 1.499 reais.

Mas tudo isso não quer dizer que podemos sair peitando nossos superiores, encurralando-os, dando lhes ultimato sobre nossa necessidade de valorização financeira imediata. Devagar aí, meu caro. É preciso estratégia, planejamento, até para evitar que o tiro saia pela culatra e voce, além de deixar de ganhar o aumento, perca até mesmo o emprego.

Benedito Rodrigues Pontes, economista, autor de livros sobre o assunto, especialista em tecnologia educacional e diretor de recursos humanos da Gonow Tecnologia, empresa de consultoria e outsourcing em TI, em artigo da INFO, deu alguns conselhos interessantes. Veja suas 7 dicas a respeito do assunto:

1 – Para ganhar um aumento, nunca peça por ele – Segundo Pontes, o profissional nunca deve pedir ao seu superior por um aumento de salário. Ele sempre deve ganhar mais dinheiro por causa do reconhecimento de um trabalho bem realizado. “A empresa tem que possuir a percepção de que o colaborador vale mais do que recebe. Dizer simplesmente que o mercado paga um salário maior do que ele recebe é somente um choro”, diz. (Leia também: Como motivar e reter talentos de TI).

2 – Seja reconhecido – O segredo do aumento salarial está na qualificação profissional. Um trabalhador raro, que é especialista em uma determinada área, sempre será reconhecido por isso. “Se a empresa não faz isso, perde a pessoa para o mercado. Por isso que o profissional não precisa pedir um aumento. É o gestor que deve ficar atento aos colaboradores. O trabalhador deve ser sempre raro e espetacular”, diz.
“Quem tem um desempenho ruim na equipe, a gente percebe pelo resultado insatisfatório. Já as pessoas que se destacam pelas atitudes espetaculares são reconhecidas no mundo todo”, diz.

3 – Evite a barganha – Alguns profissionais sem boa qualificação ameaçam deixar a empresa caso a companhia não aceite o aumento de salário. “Jamais faça isso porque esta atitude não é bem vista pelas empresas. Apesar de o trabalhador querer aproveitar o momento favorável, esta é uma situação de mercado atual e que não será desta maneira pelo resto da vida”, diz Pontes.

De acordo com o especialista, “além de não ganhar o aumento, a pessoa pode se “queimar” com a diretoria. Se o colaborador achar que a companhia não reconhece os seus valores, é necessário demonstrá-los”.

O chefe poderia achar a barganha ruim porque trabalhar para a empresa foi uma condição aceita pelo profissional. “Se a pessoa é excelente, este reconhecimento deveria ter sido feito por ele mesmo antes de aceitar a proposta. Se não fez, errou. Além disso, pedir um aumento salarial é um risco, pois os colegas de trabalho podem começar com a barganha”, diz.

4 – Aprenda outro idioma – O início de qualquer negociação salarial está baseado na educação profissional do indivíduo desde a escola, do autoaprendizado e do aumento de conhecimentos, principalmente de outros idiomas. Segundo Pontes, se o profissional domina o inglês, ele pode optar por aprender espanhol. “Isso, no mínimo, garantirá a sobrevivência profissional por um longo período”, afirma.

5 – Opte por uma empresa que ajuda na formação profissional – Algumas empresas possuem acordos para pagar integralmente os cursos profissionalizantes aos seus funcionários. Este recurso é muito útil porque a mensalidade não é paga pelo trabalhador, o que gera economia e, ao mesmo tempo, o aprimoramento de conhecimentos.

Outras companhias possuem ferramentas formais de desempenho para avaliar os profissionais, além do plano formal de carreira. Com isso, fica mais fácil mostrar ao colaborador os requisitos e habilidades necessárias para ele subir de nível. “A carreira é de total responsabilidade do profissional. A empresa pode ajudar em sua formação, mas a busca deve partir da pessoa”, diz Pontes.

6 – Seja um especialista, mas conheça outras áreas – A raridade e o desempenho espetacular são dois elementos fundamentais na carreira de TI e também em outras áreas, segundo Pontes.

“Raridade é o conhecimento diferenciado, faculdade de qualidade, educação continuada. Será sempre mais fácil aprender algo novo quando a pessoa possui uma boa formação educacional. É fundamental ter um conhecimento atualizado”.

O especialista afirma que somente reciclar os estudos não é o suficiente para ganhar o aumento. “Só isso não basta. O trabalhador deve associar a bagagem cultural ao desempenho espetacular, que é a atitude, o comprometimento com o horário e prazos e o excelente atendimento ao cliente e também à empresa”.

Em TI, a área muda constantemente e estes profissionais devem acompanhar as tendências. A pessoa pode ser especialista em uma área, mas que aproveite o momento para aprender outras plataformas. Segundo Pontes, os cargos com enfoque em Java, dotNet e linguagens de desenvolvimento para dispositivos móveis estão em alta e são promissoras.

7 – Em último caso, faça uma reunião – O especialista diz que, antes de propor o aumento, o profissional deve avaliar sua carreira. “Tudo depende do objetivo da pessoa e a raridade da área que atua. Para propor o aumento, ajuda conhecer dois ou três idiomas, dominar mais de uma linguagem e estudar outras, não deixar de fazer as tarefas pendentes de clientes e fazer hora extra. Ganhar 20 mil reais mensais não combina com terminar o expediente mais cedo”, diz.

Para resumir, avalie a situação. Sua, da empresa, do mercado da sua região. Tente se antecipar aos possíveis questionamentos do seu chefe. Melhor que apenas receber aumento, é recebê-lo com seu chefe convencido de que você realmente merece esse reconhecimento, por seus próprios méritos.

As 7 dicas são do artigo da INFO.

Artigos que também podem lhe interessar:

Related Posts with Thumbnails